Overdose Power (07-05-2009) [Old Stone]

Eu estava deitada, esparramada no sofá, escutando Cat Power, há um tempo eu não escutava “The Greatest”, álbum que no começo do último ano eu escutava incansavelmente porque eu só queria que ele me desse um pouco de paz, que me tirasse do estresse, como sempre fazia.

Tô com dor de cabeça.

E estou escrevendo porque vi Adriano falando para escrever tudo, sendo importante ou não, o que se tem que fazer mesmo é escrever.

Só queria poder desabafar um pouco.

Ganhar um pouco de sentido.

Não fazer ninguém chorar.

Ou se aborrecer.

Queria encontrar uma essência.

Talvez finalmente poder fazer música.

Oh, eu estou buscando o sentido para isso tudo, só não sei porque insisto.

Enquanto isso, vou continuando a nadar com os tubarões, fico aplaudindo aqueles que fazem o que eu não posso, mas que queria mais que tudo fazer, que é o que me dar prazer, força, desejo, satisfação…

“Where is my love?”

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em O Balde

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s